Thursday, April 29, 2010

Email de um árbitro que ama o que faz!

Postado na Lista Redzone, como resultado do artigo anterior aqui do blog Zebras no Purgatório. Estas coisas me fazem continuar acreditando no futebol americano no Brasil:

Adler,
> Quero reiterar a minha posição aqui sobre a arbitragem. Sou árbitro de
> futebol americano a 1 ano apesar de estudar as regras do jogo intensamente
> por mais de 3 anos.
> Para começar queria dizer que ser árbitro tras uma adrenalina fantástica.
> Você tem que estar ligado na sua chave de arbitragem, decidir sobre a
> aplicação da regra em frações de segundo e ficar sempre atento para que o
> clima seja "amistoso" em um jogo de contato.
> Nesse fim de semana fui referre da partida entre Minas Locomotiva e
> Tubarões. A equipe de árbitros tinha alguns novatos em arbitragem e, no
> intervalo, perguntei a um deles o que estava achando da experiencia. Ele me
> disse que era legal mas não estava sentindo a adrenalina de que eu havia
> falado. Fui direto com ele: Então você está sendo um péssimo árbitro. Ora,
> em um jogo de soccer a atividade acontece normalmente onde a bola está. Já
> em um jogo de FA a atividade está em qualquer lugar do campo e pode influir
> na jogada. Ficar atento é importantíssimo. As regras são muitas, o espaço
> para interpretação também e o árbitro está alí, no meio de tudo tomando
> decisões a cada fração de segundos.
> Mais um detalhe. Nessas andanças vejo que realmente temos muitos
> candidatos a árbitros completamente despreparados no Brasil. Aqui em Minas
> estamos indo para a segunda clínica de arbitragem e considero que temos pelo
> menos 4 árbitros realmente preparados para entrar em campo em uma partida.Eu
> sei que é pouco mas sei que isso tende a aumentar. Temos um bom material
> para preparar árbitros. Eu pessoalmente estou sempre estudando não só as
> regras da IFAF mas em grupos de discussão de árbitros americanos. Tenho
> equipamento completo que inclui o microfone sem fio padrão da NCAA,down
> counter, flags, bean bag etc.. Com tudo isso quero deixar apenas uma
> mensagem. Árbitros, PREPAREM-SE!!! Sem nós não há jogo. Sem nós o esporte
> pode se transformar de um campo de batalha para um campo de guerra. E aos
> organizadores dos dois torneios. Infelizmente investir agora será
> necessário. Como nem todos os estados tem bons árbitros buscar alternativas
> em outros estados será necessário. Mas pelo amor de Deus, esqueçam a idéia
> de que jogadores com algum conhecimento de regra podem ser árbitros porque
> não podem. Arbitrar é mais do que conhecer regras, é conhecer as chaves,
> conhecer mecânica, briefing e debriefing.
> Bom, já desabafei. Aos estados que estejam querendo criar SERIAMENTE uma
> comissão de arbitragem ponho a disposição o que fiz nesse tempo todo. Tenho
> uma clínica de arbitragem com pelo menos 250 slides (divididos em regras,
> mecanica, chaves, reuniões de briefing, debriefing). Tenho também alguns
> documentos em inglês que pretendo traduzir ainda no primeiro semestre sobre
> arbitragem, algumas apresentações usadas nas federações de árbitros
> americanas entre outras coisas. Disponibilizo-me inclusive em ir ao estado
> para ministrar a clínica sem nenhum custo (apenas o de locomoção e
> hospedagem, é claro)
> Para terminar gostaria de saber se os dois grandes torneios que estão
> começando no Brasil criarão seu próprio conselho arbitral. Acho isso muito
> importante por ser essa a instância decisória no que diz respeito a
> disciplina.
>
> Abraços a todos.
> Marcelo Sampaio
> Árbitro Futebol Americano.


A Redzone é a maior e mais antiga lista brasileira de discussão de futebol americano. Se você gosta de assistir a jogos da NFL ou pratica alguma modalidade de futebol americano (flag, beach etc...), junte-se à nós! O objetivo da lista é promover amizades e um bate-papo legal sobre esse esporte cada vez mais popular no Brasil. Um espaço onde os iniciantes são muito bem-vindos! O nosso assunto é a bola oval

Se você ainda não é um dos 2533 associados da Lista Redzone, o caminho é www.touchdown.net/redzone.

1 comment:

Tatiana said...

Ola. Eu sou arbitra desde quando comecei a jogar Futebol Americano, no time masculino, Saquarema Tsunamis, ha 7 anos. Quis fazer as provas de arbitragem, quis estudar as regras, porque eu acho que a melhor forma de vc fazer algo para melhorar alguma coisa é começar a mudança por vc mesmo. Se eu nao quero que nos meus jogos tenham pessoas sem conhecimento o suficiente para ser arbitro, porque enviarei aos jogos alheios arbitros assim ? As pessoas não levam a sério suficiente o que é a arbitragem. É você fazer com que um jogo corra como ele deve correr. É você garantir um espetáculo. E essa é uma função muito importante. O principal para um arbitro, alem do conhecimento, é a postura. Vc tem que saber impor o que vc determina, assim como vc tem que ter humildade para corrigir um erro. E acredite, quando os jogadores veem que vc é uma pessoa idônea, que procura fazer o melhor, um erro não é crucificado, falo por experiência propria. Sempre que posso , gosto de apitar jogos, tantos masculinos como femininos. E tenho orgulho de ser arbitra.